COMO OS JOGOS EDUCATIVOS PODEM INFLUENCIAR NO APRENDIZADO?

Quando você pensa em uma sala de aula, o que vem à sua mente? Um
quadro de giz, cadeiras e mesas, lápis de cor, papel, tesoura, notas e livros?
 E os jogos e brincadeiras? Muitas pessoas costumam relegá-los ao horário
do intervalo, já que brincar é uma atividade considerada apenas como uma forma de diversão. Leia mais…

Também por este motivo, jogos são frequentemente ignorados pelas
instituições escolares e educadores.  Contudo, com as novas questões
propostas à educação do século XXI, este cenário tende a mudar.

Isso mesmo! isto porque, cada vez mais, professores, escolas,
universidades e empresas perceberam a importância do aspecto lúdico para o
desenvolvimento emocional e cognitivo da criança. 

Foi pensando nisso que o e-licencie desenvolveu o “Jogo do
Licenciamento Ambiental”.

O jogo teve como objetivo complementar o ensino formal dos
alunos da graduação, ensinando de forma divertida as etapas do dia a dia que o
profissional enfrentar no processo de licenciamento ambiental.

Região de Criciúma é contemplada com 8 ideias inovadoras

Mais de 1700 ideias foram submetidas para o programa Sinapse da Inovação, edição Santa Catarina, promovido pela FAPESC (Fundação e Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina) e a Fundação CERTI. Sinapse da Inovação é um programa de incentivo ao empreendedorismo realizado em diversos estados do Brasil, sendo que em Santa Catarina aprovou 100 ideias após 3 etapas de seleção, onde cada ideia receberá 60 mil reais para serem desenvolvidas.

Entre as 100 ideias aprovadas, encontra-se o e-licencie (e-licencie.com.br), com membros de Içara e Criciúma, sendo eles: Émilin Casagrande de Souza, Joel da Rosa, Luiz Henrique Rosa da Silva e Patrícia Darolt de Costa. O e-licencie tem como objetivo ser uma plataforma para auxiliar profissionais que trabalham com licenciamento ambiental e programas ambientais de empreendimentos, por meio de um sistema de gestão Web e Mobile.

Além do e-licencie outras 7 ideias da região de Criciúma foram aprovadas, sendo elas:

ADUBOOO – Plataforma de Localização de Resíduos Orgânicos (Criciúma)
Bioacelerador de Autodepuração de Drenagem Ácida de Mina (Criciúma)
BIOCOATING – Revestimento de Sementes com Matéria Orgânica Ativa (Criciúma)
ECOAR – Eficiência Energética e Conforto Térmico em Ar Condicionado (Criciúma)
OIMAGGIE – A Assistente Virtual Estudantil (Criciúma)
CHAWORK – Sistema Inteligente de Recrutamento E Seleção (Forquilhinha)
Remediação de Solos Contaminados por Processos Oxidativos Avançados (Forquilhinha)

Equipe e-licencie

Como aumentar suas vendas utilizando um chat online?

O avanço dos meios de comunicação, principalmente o desenvolvimento da internet e das redes sociais digitais, permitiu que as empresas criassem diversos canais de atendimento e relacionamento com o cliente. No entanto, a abertura desses canais e a presença online das marcas fez com que os consumidores passassem a exigir das empresas uma melhor rapidez no retorno às suas solicitações e mais ágeis na resolução de seus problemas.

Um dos problemas, por exemplo, é a dificuldade que os consumidores tem em fazer compras online, sem o acompanhamento de um vendedor. Por isso como forma de resolver tais problemas surgiu o chat online, passando a ser uma ferramenta fundamental tanto para o relacionamento com o cliente, como para uma consultoria durante a compra.

No entanto, quando o chat online foi criado, ele era utilizado para a comunicação entre as pessoas que buscam por interesses em comum, ou seja, esses clientes se comunicavam por meio das salas de bate-papo. Essas salas de bate-papo permitem mensagens instantâneas entre os usuários, dentro da mesma plataforma.

Somente mais tarde, o chat online começou a ser adotado pelos sites de e-commerce, como uma estratégia de marketing de relacionamento, tendo como objetivo atender os clientes (online), de forma instantânea (real time) e pela sua rapidez, agilidade e efetividade, passou a ser utilizado como o principal meio de comunicação entre clientes e a empresa.

Dentre seus benefícios destacam-se, a diminuição da taxa de abandono do carrinho, comunicação rápida, maior economia de tempo e custos de comunicação, atendimento 24 horas por dia em todos os dias da semana, confiança do cliente e aumento no número de conversões da loja virtual. Isso porque a ferramenta soluciona problemas e tira dúvidas no momento da compra do cliente.

Geralmente para que esses benefícios ocorram o chat online precisa funcionar corretamente e para isso, ele precisa estar vinculado a uma plataforma de comunicação específica para assim atender as necessidades de envios e recebimentos instantâneos de mensagens. Essa plataforma é incorporada nesses sites por empresas especializadas tanto para fornecer o suporte no desenvolvimento e implantação do sistema, como para acompanhar os resultados.

Todos esses benefícios e funcionalidades do chat online tem um único objeto, aumentar as vendas. No entanto por mais que existam meios de conduzir as pessoas para seu site, seja por meio de pesquisas no Google; redes sociais como o Facebook ou até mesmo utilizar suas bases de e-mails para aumentar o número de acessos, mas a grande pergunta é “O que fazer com essas pessoas no nosso site e como transformamos essas pessoas em nossos clientes?”

Uma das grandes preocupações das empresas é a captação de leads, que são aqueles clientes que já chegam ao site mais propensos a finalizar o processo de compra por isso o chat online também pode ser muito útil para o “empurrãozinho” final.

Lembre-se, ter várias visitas em seu e-commerce e site e não ter vendar é o mesmo que ter várias pessoas entrando em sua loja (física) e não levar nada. Felizmente nem tudo está perdido, existem uma série de estratégias que podem o número de vendas de sua plataforma.

Por isso, o atendimento virtual serve como um excelente canal de captação onde compradores em potencial poderão encontrar, em tempo real, as soluções que necessitam além de receber ofertas direcionadas, que aumentarão as chances de conversão.

Outro ponto que precisamos estar cientes, é que “Ter um chat online nem sempre é o suficiente”, isso ocorre pois muitas pessoas veem o chat online e não se sentem convidadas a tirarem suas dúvidas, ou seja, o chat online precisa chamar o cliente por meio de convites proativos de acordo com cada usuário tornando as mensagens menos chatas.

Esse tipo de opção faz com que a janela do chat abra automaticamente quando o cliente visitar o site, chamando sua atenção e aumentando o número de conversas, ou seja, com mais conversas você tirar suas dúvidas e logicamente aumenta suas vendas.

Outro ponto que aumenta bastante a venda nos sites é “estar online”. É comum as pessoas colocarem chats online em seus sites e com o tempo não ficaram mais logadas a ele para sanar as dúvidas dos clientes, o que acaba gerando um desconforme por parte dos clientes e consequentemente a diminuição das vendas.

O ideal é estar sempre presente e proativo pois uma boa atenção no chat faz com que os clientes voltem a seu site e tragam mais compradores e consequentemente aumente o seu negócio.

Um exemplo de case de sucesso é da empresa Clube de Malta. O clube de Malta é um e-commerce especializado em cervejas importadas e especiais que está online desde 2011.

No início a empresa se preocupava apenas com o e-mail marketing onde direcionava suas novidades e promoções apenas para clientes selecionados ou Leads que criaram contas na loja virtual ou, ainda, que compraram em algum momento de sua vida como Lead, virando clientes.

No entanto o e-mail marketing era responsável apenas por 22% das vendas, foi neste momento que a equipe percebeu que precisava melhorar suas estratégias para captar novos clientes. Pois a maioria dos clientes reclamavam que durante as compras surgiam dúvidas, problemas nas compras e que muitas vezes acabavam desistindo da compra em função da demora por respostas.

Foi então que a empresa optou por utilizar em seu chat convites proativos de acordo com as necessidades e demandas de cada usuário. Com está estratégia a empresa vendeu mais de 100% do que a média de 2015 até ali.

Outro exemplo de site que obteve sucesso com o chat online foi o Submarino, que obteve um aumento em suas vendas (de 2008 até agora) de 52%, além de receber inúmeros prêmios de melhor atendimento, melhor logística e melhor veículo de comunicação.

No entanto algumas empresas tem muito a evoluir. Pois de acordo com o E-commerce News (2016), oito em cada dez lojas virtuais brasileiras utilizam o chat online apenas em horário comercial, afirmando ainda que “cercar 83% dos e-commerces brasileiros deixam o chat online disponível apenas em horário comercial e 76% não realizam atendimentos no domingo”.

O levantamento mostra ainda que os sites e e-commerces brasileiros ainda tem muito a evoluir no atendimento aos consumidores. O chat online, por exemplo, é um dos principais métodos para se relacionar com os clientes, mas são poucos os lojistas que se preocupam em atendê-los a qualquer hora do dia.

É por isso que as empresas precisam melhorar seus atendimentos online estando cientes de que uma atenção redobrada ao cliente vai garantir ao site ou ao e-commerce mais compras e aumento dos clientes. Afinal um cliente bem atendido e satisfeito com o atendimento irá indicar o site a outras pessoas gerando consequentemente um aumento nas vendas e melhorias.

Agora se você abriu recentemente seu e-commerce ou seu site e quer ampliar suas vendas por meio de chats online uma dica é a ferramenta jivochat. O jivochat é uma ferramenta de chat para suporte que permite auxiliar os usuários que vão visitar o seu site.

Ele é um aplicativo integrado à sua loja virtual e funciona como um atendimento via chat para site. Dessa maneira, assim que um visitante entrar no seu e-commerce, aparecerá uma caixa de diálogo. Nesse momento, há duas alternativas ao usuário: ele pode iniciar uma conversa com a sua loja virtual ou pode minimizar o chat e te chamar quando se sentir à vontade.

A utilização do jivochat possibilita ainda a ampliação e otimização dos atendimentos com os clientes atuais e potencias, além de possuir uma rápida instalação e utilização simples para que os consultores realizem um atendimento eficiente.

Uma das principais vantagens da ferramenta é que permite que o usuário não perca tempo esperando, pois o jivochat é muito mais do que apenas um chat online para sites, ou seja, seus visitantes podem escrever um número de telefone no chat e, em 30 segundos, o jivochat conecta sua equipe ao cliente por telefone.

Com o jivochat, estar fora do computador deixou de ser sinónimo de não dar suporte. Isso porque o Jivo tem um app que te permite dar suporte quase 24 horas por dia. A empresa conta ainda com um suporte de 24 horas completamente em português e está sempre disposta a resolver e sanar as dúvidas, tanto por chat, e-mail ou telefone.

Outra vantagem é que quando você estiver online, o jivochat tem uma opção de você deixar um formulário para que o usuário possa deixar um e-mail para você. Isso permite que, mesmo que você não estivesse online, colecionar leads ou receber e-mails de potenciais clientes para que depois pudesse ajudar eles.

O jivochat possui ainda, uma série de ferramentas que vão tornar o trabalho da sua equipe mais eficiente sendo elas: captação de contatos; ações automáticas; veja o que o visitante está escrevendo; indicador; Monitore todas as ações dos visitantes no site em tempo real; informações pessoais dos visitantes; históricos de todas as conversas realizadas pelo chat; Transferência de arquivos; Integração com seu CRM favorito; frases memorizadas; tradutor; bloquei de visitantes; separação por departamentos; ligação para telefone/celular; avaliação do atendimento pelo chat e distribuição por regiões.

Além da integração com outras plataformas você também pode integrar todos os seus meios de comunicação do seu negócio e, como consequência, otimizar o seu atendimento. Por exemplo, se você, além da loja virtual, possui perfil no Facebook e também atende por meio de aplicativos de conversa, como o Telegram, o jivochat unificará todos dentro de seu sistema.

O jivochat também é compatível com várias plataformas de e-commerce como o Magento e WooCommerce. Então se você quer aumentar suas vendas, o Jivo é uma ótima ferramenta que irá proporcionar a seu cliente um suporte inteiramente à disposição para eventuais dúvidas de uma forma sútil e nenhum um pouco invasiva.

E no final da visita, haverá mais chances do usuário sair satisfeito e, até mesmo, indicar a sua loja para amigos e familiares. Lembre-se: vendas são importantes, mas fidelizar sua base será a chave para o seu sucesso e, para isso, o único caminho é oferecer um ótimo atendimento.

 

Referências Consultadas

Clube de Malta. https://www.rdstation.com/historias-de-sucesso/como-o-clube-do-malte-usou-o-email-marketing-para-fechar-150-mais-vendas/;

E-Commerce News. https://ecommercenews.com.br/noticias/pesquisas-noticias/oito-em-cada-dez-lojas-virtuais-brasileiras-utilizam-chat-online-apenas-em-horario-comercial/;

jivochat. https://www.jivochat.com.br/;

Submarino. http://www.administradores.com.br/artigos/marketing/o-poder-da-internet-enquanto-canal-de-marketing-o-caso-submarino/58373/.

Animais em Extinção e onde habitam

Animais em Extinção e onde habitam

 

Sempre ouvimos falar que o Brasil é considerado um dos países mais ricos em biodiversidade e acolhe uma grande quantidade de espécies da fauna e da flora. Contudo, devido a uma série de problemas ambientais como: desmatamento, caça e pesca predatória, queimadas, aquecimento global, destruição de habitats e desaparecimento de ecossistemas, fazem com que o número de animais em extinção no Brasil cresça cada dia mais.

Um animal extinto é aquele que já não existe na natureza ou em cativeiro. Também há a categoria “animal extinto na natureza” e ela é usada quando ainda existem indivíduos desta espécie em cativeiro. É importante saber que, nos últimos 50 anos, o ritmo de extinção tem aumentado.

Segundo dados apresentados pelo Greenme em 2016, há 5.200 espécies de animais em risco de extinção. Desse total, 25% são anfíbios e mamíferos, 11% são aves, 20%, répteis e 34%, peixes.

Uma dessas espécies é o mico-leão-dourado, que por causa das queimadas, expansão agropecuária e a urbanização, acabou tendo seu habitat reduzido. Isso acabou confinando suas populações remanescentes em pequenas ilhas de florestas secundárias, em sua maioria menores que mil hectares. O isolamento geográfico resulta no isolamento genético, tornando estas pequenas populações isoladas mais vulneráveis à extinção. Na década de 1960, a caça também contribuiu para a quase extinção da espécie na natureza.

De acordo com a Rede Nacional de Combate ao Tráfico de Animais Silvestres (RENCTAS), a cada dez animais retirados da natureza, só um sobrevive. Eles citam o exemplo da arara-azul, que existe mais em cativeiros do que na natureza. A captura da ave para fins comerciais aqui e no exterior, e a ocupação de seu habitat pela agricultura e pecuária levaram à morte grande parte da população desses pássaros.

Outros animais em extinção são:

  • Baleia-franca-do-sul;
  • Cervo-do-Pantanal;
  • Gato-maracajá;
  • Lobo-guará;
  • Macaca-Aranha;
  • Onça-Pintada;
  • Saíra-militar;
  • Sapo-folha;
  • Soldadinho-do-araripe;
  • Tamanduá-bandeira;
  • Tartaruga-de-couro;
  • …. enfim a lista é grande.

É importante salientar que as espécies aqui citadas referem-se apenas a lista de extinção brasileira. Se formos considerar mundialmente, a lista é sem dúvida muito maior, considerando ainda os problemas ambientais de cada pais.

A União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN),criou em 1963 um inventário para sistematizar o estado de conservação das espécies biológicas ameaçadas. Na lista estão animais, plantas, fungos e protistas.

Dessa maneira, a “Lista Vermelha da IUCN” (IUCN Red List), como é conhecida, divide-se em três grandes categorias compostas de subcategorias:

  • Extinto: extinto, extinto da natureza;
  • Ameaçada: criticamente em perigo, em perigo, vulnerável;
  • Baixo risco: dependente de conservação, quase ameaçada, pouco preocupante.

Uma lista, semelhante a da IUCN, foi realizado pelo Instituto Chico Mendes (ICMBio) e o Ministério do Meio Ambiente (MMA) sendo divulgada em 2014. Segundo ela, 1.173 espécies de animais correm risco de extinção, sem mencionar aqueles que já foram extintos, como a arara-azul-pequena e o minhocuçu. Nesta lista foi avaliado o risco de extinção dos animais, identificado o estado de conservação das espécies e as ameaças que sofrem.

Embora nos últimos anos a preocupação com os temas ambientais tenha aumentado, por meio de legislações e multas, na prática, ainda existem problemas de fiscalização.

As medidas para evitar a extinção dos animais são simples, basta preservamos seus habitats, criar parques e reservas, evitar a incorreta exploração de recursos naturais e combatermos a caça ilegal. Todas essas medidas precisam da conscientização de todos nós, pois uma vez extintos, esses animais só poderão ser contemplados em fotos de livros.

Texto Escrito pela Engenheira Ambiental Émilin.J.C.Souza do Blog 2engenheiros.

 

2engenheiros.wordpress.com

Blog especializados em conteúdos de engenharia ambiental e tecnologias.

 

Seu cliente tem dúvidas se deve lhe contratar para fazer o licenciamento ambiental. Ajude-o a fazer a escolha certa.

Olá,

Segundo art. 60 da Lei de Crimes Ambientais, Lei nº 9.605/1998, é crime construir, reformar, ampliar, instalar ou fazer funcionar, em qualquer parte do território nacional, estabelecimentos, obras ou serviços potencialmente poluidores, sem licença ou autorização dos órgãos ambientais competentes, ou contrariando as normas legais e regulamentares pertinentes.

Quais consequenciais da ausência de licenciamento:

pena de detenção de um a seis meses, ou multa, ou ambas as penas cumulativamente, aos empreendedores, na hipótese de construir, reformar, ampliar, instalar ou fazer funcionar, em qualquer parte do território nacional, estabelecimentos, obras ou serviços potencialmente poluidores, sem licença ou autorização dos órgãos ambientais competentes, ou contrariando as normas legais e regulamentares pertinentes;

sujeição às seguintes sanções administrativas: suspensão de venda e fabricação do produto; embargo de obra ou atividade; demolição de obra e suspensão parcial ou total de atividades;

suspensão ou cancelamento da licença ambiental pelo órgão ambiental, nas hipóteses de: violação ou inadequação de quaisquer condicionantes ou normas legais; omissão ou falsa descrição de informações relevantes que subsidiaram a expedição da licença, superveniência de graves riscos ambientais e de saúde.

paralisação de obra pública custeada, no todo ou em parte, com recursos federais, por ser essa prática considerada irregularidade grave;

denúncia do empreendimento pelo Ministério Público, atuando na defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais e individuais indisponíveis, nos casos de verificação de ilegalidade no procedimento de licenciamento, ou na implementação de condicionantes.

Além das consequências aqui listadas, há possibilidade de prejuízos para o empreendedor nos seguintes casos: licenciamento realizado, ou iniciado, em órgão ambiental que não tem competência originária para emitir a licença; interrupção do processo de licenciamento ou realização de novo licenciamento, com assunção da competência originária ou avocação da competência pelo órgão adequado;

realização de projeto básico ou projeto executivo, ou ambos, antes da expedição da licença prévia, caso a licença prévia imponha mudanças na localização ou na concepção do empreendimento. Nesse caso, haverá a necessidade de se confeccionar novo projeto básico, caracterizando prejuízo e indicando a má gestão;

paralisação de obra iniciada sem a competente licença de instalação, acarretando despesas com mobilização e outras;

ocorrência de desastre ambiental que cause a indisponibilidade de recursos naturais utilizados no processo produtivo do próprio empreendedor. Em caso de escassez ou de baixa renovabilidade desses recursos o empreendedor poderá ter que pagar mais caro por esses recursos no futuro.

Como está sua saúde financeira?

Para ajudar em sua gestão financeira separamos algumas dicas.

Seu sucesso financeiro é parte importante de seu sucesso profissional.


1. Tenha o habito de anotar todas as suas entradas e saídas. Algumas soluções possuem interfaces em celular para você ir anotando ao longo do dia e gerar relatórios via web. Um exemplo é o aplicativo Organizze.

2. Crie uma reserva de emergência. Muitas pessoas acabam enfrentando problemas financeiros por não seguirem uma ideia simples: fazer uma reserva financeira (ou fundo de emergência). Algumas acham desnecessário, outros sequer pensaram nisso por desconhecimento, mas uma coisa é fato: fazer uma pode tornar sua vida bem menos estressante e mais tranquila.
 
3. Acabe com as dívidas no cartão. No início, tudo são flores. Com o cartão de crédito em mãos, tudo parecia possível: aquela viagem dos sonhos, a televisão que você sempre quis, o sapato da última coleção… Se depois de tanto encanto, você terminou com uma fatura que só aumenta a cada dia, não se desespere. Não tenha medo de encarar as dívidas. Este é o primeiro passo para resolver a questão, pois só assim saberá o tamanho do prejuízo.

 
4. Faça a viagem dos seus sonhos. Daniel Ally sempre diz “aproveite sua riqueza”, e porque não, aproveitar a vida da forma que você pode? Em vez de colocar sua viagem nos cartões de crédito ou nas costas dos pais,  planeje0se financeiramente para fazer isso sem a ajuda de ninguém. Não se preocupe se você tiver que esperar um pouco antes de realizar um sonho destes, pois quando for realizá-lo, irá aproveitar ainda mais.
Viajar é uma experiência única capaz de agregar conhecimento, cultura, bons momentos e diversão para quem tem essa oportunidade. Porém, sair por aí conhecendo lugares tem um custo. O grande erro é achar que toda viagem envolve muito dinheiro. Veja nossas dicas para uma viagem econômica!

Gostou dessas dicas? Acesse Organizze.com.br e vá no menu educação.